neeb_cover

Entrevistamos Eduardo Medeiros sobre o sci-fi em quadrinhos “Neeb”

em junho 18 | em HQs | por | com 1 Comment

Após mostrar todo seu talento na HQ coletiva “Mondo Urbano” (Devir), Eduardo Medeiros ganhou seu espaço no quadrinho nacional com a tirinha digital “Sopa de Salsicha”. Ele conquistou fãs com seu humor e traço bem construídos, mas é agora com seu independente solo “Neeb” que conhecemos um lado bem mais divertido do Edu: as HQs de aventura!
“Neeb” é uma daquelas maluquices de ficção científica que todo mundo gosta de ler (e escrever)! O único defeito da obra é ser curtinha e não ter tempo de explorar melhor aquele divertido universo dos irmãos aventureiros para o leitor. Parece que o Edu percebeu isso e decidiu expandir a HQ para novos horizontes.
Para saber um pouco mais sobre o projeto, bati um papo bacana com o Edu Medeiros, que você confere a seguir:
1- Apesar do seu estilo mais cartunesco, “Neeb” é uma baita história de aventura e ficção científica cheia de violência, palavrões e naves. Como foi a recepção dos leitores? 
Têm sido bem massa. A idéia é usar o meu desenho para tentar contar histórias em diferentes gêneros mesmo. Eu sempre fui muito fã de ficção científica e “Neeb” é a uma tentativa de reunir esse gênero com muitas referências a coisas que eu gosto e gostava quando mais novo.
2- A saga tem pinta de virar uma excelente série de aventuras espaciais. Você tem planos para uma continuação?
Sim, farei mais uma revista contando o antes e o depois do que aconteceu na primeira edição. Convidei o Bernardo Moraes que é escritor e meu amigo desde a primeira série para escrever comigo essa segunda revista. O Bernardo e eu temos essas mesmas referências de quando éramos mais novos e ele me ajudou bastante com a história durante a revisão de “Neeb”. Nós terminamos de escrever essa segunda revista até o final do ano e espero lançar na FIQ de 2013.
3- Quais são as histórias de ficção científica que você mais gosta?
Eu sou muito fã de Douglas Adams e a série do “O guia do mochileiro das galáxias” é um pouco de referência pra tudo que eu faço. Gosto dos contos do Asimov, curto muito aquela estética dos trabalhos do Giger, gosto de “Alien”, “Duna”, “MIB” e “Blade Runner”.
4- O que podemos esperar dos seus próximos projetos?
Estou trabalhando em uma graphic novel com o escritor Paulo Scott que se chama “Não me mande Flores” sobre o último show da banda Defalla. É um projeto longo e devo trabalhar nele por pelo menos mais um ano. Começo esse ano a produzir o livro do “Sopa de salsicha” que era minha webcomic biográfica e agora vai sair pela Cia da Letras. Sica, Elcerdo, Stêvz e eu estamos fechando o nosso livro do “friquinique” e estou trabalhando em uma adaptação para a editora Barba Negra.
Se depender do que o Edu nos contou, este ano veremos um verdadeiro boom de lançamentos interessantes e bacanas!
Pin It

Posts Relacionados

One Response to Entrevistamos Eduardo Medeiros sobre o sci-fi em quadrinhos “Neeb”

  1. […] atrás, comemorei a notícia de que dois autores brasileiros que admiro muito, Rafael Grampá e Eduardo Medeiros, teriam trabalhos publicados na revista “Strange Tales”.Meses depois, comprei o […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

« »

Contraudição

Scroll to top